Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

geral

"Apagão" de energia elétrica atingiu 93 municípios de Mato Grosso

Segundo a ONS, houve um desligamento automático parcial do sistema que beneficia o Estado

16/05/2015

Bruno Cidade

"Apagão" de energia elétrica atingiu 93 municípios de Mato Grosso

Pelo menos 72% dos consumidores de Mato Grosso ficaram sem energia elétrica, durante o "apagão" ocorrido na noite de quinta-feira (14).

O blecaute aconteceu por volta das 19h10 e durou cerca de 40 minutos. Na região central de Cuiabá, provocou transtornos no trânsito, estabelecimentos comerciais e bairros residenciais.

O Operador Nacional do Sistema (ONS) informou que houve um desligamento automático parcial do sistema de 230 kV de Mato Grosso, Acre e Rondônia.

O mesmo problema foi verificado nas usinas hidrelétricas Rondon II, Jauru,Guaporé, Manso, Dardanelos e Ponte da Pedra, bem como das termoelétricas Cuiabá, Termonorte II e das PCHs do Mato Grosso, segundo a agência.

O desligamento, segundo a ONS, foi em decorrência de problema verificado na Linha de Transmissão de 138 KV/Coxipó/Barro Duro.

Por meio de nota, a agência informou que ainda fará uma análise técnica da ocorrência para identificar as causas.

Levantamento da concessionária Energisa, responsável pela geração e distribuição de energia elétrica no Estado, revela que, no total, 93 dos 141 municípios ficaram no escuro.

A concessionária não soube informar se há riscos de ocorrer um novo "apagão" em Mato Grosso.

No total, 72% dos consumidores ficaram sem energia. Isso corresponde a 897 mil das 1,243 milhão de unidades do Estado.

A interrupção afetou regiões como as Cuiabá e Várzea Grande, a Baixada Cuiabana, além das regiões Oeste, Centro-Norte e o Nortão.

Na região Sul, apenas Campo Verde, Nova Brasilândia e Planalto da Serra foram afetadas e, segundo a Energisa, não houve interrupção da região do Araguaia

Queda de torres

O último "apagão" de energia elétrica registrado em Mato Grosso ocorreu na região do Araguaia, em fevereiro deste ano, e atingiu 16 municípios.

O problema ocorreu depois da queda de quatro torres da linha de alta tensão, durante uma forte chuva.

A queda de energia atingiu 54 mil unidades consumidoras.

Veja na íntegra a nota divulgada pelo ONS:

"Ocorrência no Sistema Interligado Nacional (SIN) às 20h11, de ontem (14/05/2015), houve desligamento automático parcial do sistema de 230 kV de Mato Grosso, Acre e Rondônia, e das usinas hidrelétricas Rondon II, Jauru, Guaporé, Manso, Dardanelos e Ponte da Pedra, bem como das termoelétricas Cuiabá, Termonorte II e das PCHs do Mato Grosso.

O desligamento foi em decorrência de problema verificado na LT 138kV Coxipó/Barro Duro.

No total, houve corte de carga de:

• 838 MW (Energisa Mato Grosso), incluindo a capital Cuiabá;

• 146 MW (Eletrobras Distribuição Rondônia);

• 20 MW (Eletrobras Distribuição Acre);

• 10 MW (Celpa), no sul do Pará.

A normalização das cargas foi iniciada às 20h23, começando por Cuiabá, sendo totalmente concluída às 22h17, no sul do Pará.

O ONS e as empresas envolvidas farão a análise técnica da ocorrência para identificar as causas".

Veja a íntegra da nota divulgada pela Energisa:

"A Energisa Mato Grosso esclarece que a falta de energia que afetou parte do Estado na noite desta quinta-feira (14/05) foi provocada por uma ocorrência em equipamentos de transmissão, que fazem parte do Sistema Interligado Nacional.

Como a ocorrência não tem relação com as redes de distribuição da Energisa, a empresa está aguardando que o Operador Nacional do Sistema (ONS) apure as informações sobre as causas da interrupção e sobre as providências que serão tomadas a respeito.

A interrupção começou as 19h10 e afetou 93 dos 141 municípios de Mato Grosso, incluindo Cuiabá e Várzea Grande, a Baixada Cuiabana e as regiões Oeste, Centro Norte e o Nortão.

Na região Sul, apenas Campo Verde, Nova Brasilândia e Planalto da Serra foram afetadas e não houve interrupção da região do Araguaia.

No total, 72% dos consumidores ficaram sem energia (897 mil das 1,243 milhão de unidades do Estado).

A energia começou a ser restabelecida em 14 minutos, às 19h24, e foi feita de forma gradual, de acordo com a orientação do Operador Nacional do Sistema (ONS).

A maioria dos consumidores teve a energia religada até às 20h. Parte dos municípios foi normalizada antes das 20h30 e os demais até às 21h14".

Direto ao Ponto

Detran tem Superfaturamento de 307%

O pregão presencial 050/2014/SAD foi realizado em maio de 2014, com três concorrentes,

Várzea Grande busca solução pro lixo

Secretária fez visita na Central de Gerenciamento de Resíduos de Cuiabá para

Rua será interditada

O acesso para o comércio e moradores do local será garantido.

Médico vibra com remédios no PS de VG

Há a suspeita, inclusive, de que vários tipos de produtos podem ter sido desviados


Shopping Popular estreia na Copa Centro América no próximo dia 5

Indicação de Ferrinho a liderança da prefeita mostra apoio a UNIVAB

UPA de Várzea Grande pode ter apoio de custeio dos 3 poderes

Obra do atacadão em VG inicia quarta-feira (3)

Segurança inaugura nova Central de Ocorrências

Obras alteram trânsito na avenida do CPA por quatro dias

Namorado é o principal suspeito de matar acadêmica de Direito

Governo quer tirar brasileirão da CBF


Entrevista
da Semana

Cláudia

Correiopress

Novo Projeto

Cláudia "Marajá" aponta caminho para uma possível candidatura em 2016

Cláudia Bruehmueller é empresária e fala um pouco de sua vida, projetos e opina sobre a situação de Várzea Grande hoje.

leia mais

Empresa & Cia

Empreendimento Concorde é lançado em Cuiabá pela GMS

Web

Unidades prontas

Empreendimento Concorde é lançado em Cuiabá pela GMS

O empreendimento é localizado no coração do Centro Político e Administrativo.

leia mais

ENQUETE

SUMMOS CRIATIVOS

Developer and Summos Criativos Correio V�rzea Grandense / Correio Press - Av. Eurico Gaspar Dutra, Quadra 41, Lote 01, Sala 01. Jardim Aeroporto - V�rzea Grande - Telefone: (65) 3029.2830 / (65) 9981-2053 Developer Copyright ® 2015-2021